Sunday, 22 de May de 2022

Porto de Paranaguá anuncia plano de obras de infraestrutura para implantação de novas esteiras com foco na descarga de fertilizantes no local

A descarga de fertilizantes é uma das principais operações que acontecem no Porto de Paranaguá e o plano de investimentos em obras de infraestrutura para a implantação dessas esteiras irá trazer mais eficiência a esse processo

A descarga de fertilizantes é uma das principais operações que acontecem no Porto de Paranaguá e o plano de investimentos em obras de infraestrutura para a implantação dessas esteiras irá trazer mais eficiência a esse processo

Durante esta última terça-feira, (29/03), o governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou o novo plano de investimentos em obras de infraestrutura no Porto de Paranaguá, que irá contar com a implantação de esteiras a partir da aplicação de um investimento milionário, visando garantir melhores condições para as operações de descarga de fertilizantes no local.

Notícias que talvez possam lhe interessar:

Novas esteiras serão implantadas no Porto de Paranaguá para uma melhor infraestrutura voltada para as operações de descarga de fertilizantes no complexo

Esta última terça-feira marcou um evento bastante importante para o futuro da infraestrutura do Porto de Paranaguá, uma vez que o governador Carlos Massa Ratinho Junior se uniu aos representantes do complexo para anunciar as obras de implantação de novas esteiras transportadoras nos berços 211, 209 e 208, com investimento de R$ 800 milhões da iniciativa privada, que serão realizadas pelas empresas Rocha e Fertipar e irão dinamizar ainda mais as operações de descarga de fertilizantes no porto durante os próximos anos. 

Além disso, para acompanhar as obras de infraestrutura que contarão com a instalação dessas novas esteiras, o Porto de Paranaguá também receberá um novo plano do Estado, que irá preparar duas modernizações que alcançam R$ 2 bilhões em investimentos: o Moegão e o Corredor de Exportações, ambas as estruturas são de extrema importância para o desenvolvimento de operações de movimentação de carga, descarga de produtos e, acima de tudo, as atividades de exportação no local. Com isso, o governo do estado pretende trazer novos rumos para a infraestrutura do Porto de Paranaguá. 

Apesar da grande estrutura portuária, o Porto de Paranaguá ainda conta somente com correias operando apenas no berço 209 e elas chegam até dois terminais – o Terminal Público de Fertilizantes (TEFER) e o Rocha, sendo necessário mais investimentos nessa infraestrutura no local. Assim, com as obras do plano anunciado nesta terça-feira, outros dois berços (o 208 e o 211) e novos terminais (como a Fertipar) serão interligados dentro dessa cadeia e poderão ser beneficiados com a descarga de fertilizantes ao longo dos próximos anos. 

Administração do Porto de Paranaguá comemora plano de obras de infraestrutura, que também focará na construção de novos armazéns para as operações portuárias

O plano de investimentos em obras de infraestrutura no Porto de Paranaguá, além de contar com a implantação de novas esteiras para a descarga de fertilizantes, também irá realizar a construção de mais armazéns para garantir uma estrutura de qualidade às operações de movimentação de carga. Além disso, o projeto também prevê a criação de um corredor para descarga de fertilizantes com duas novas linhas independentes, que irá possibilitar que novos navios atraquem no local para a descarga desses produtos. 

Assim, o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, comentou sobre as obras de infraestrutura no porto e destacou a relevância desse projeto para a expansão da presença do local no Brasil, afirmando que “Nós estamos concluindo mais uma etapa importante para as próximas décadas. Hoje, para nós do time da infraestrutura, é um momento de prestar contas à sociedade. São projetos ousados do governo em todos os modais, principalmente na Portos do Paraná, reconhecida como a melhor gestão e que está recebendo investimentos milionários”.

Além do governador do estado, também estiveram presentes na reunião representantes do estado, como o vice-governador Darci Piana; os secretários estaduais João Carlos Ortega (Casa Civil), Márcio Nunes (Desenvolvimento Sustentável e Turismo), Marcel Micheletto (Administração e Previdência. Assim, o governo do estado continua com seus esforços para garantir novos investimentos ao Porto de Paranaguá e expandir ainda mais a sua relevância no setor portuário nacional.

Ruth Rodrigues
Formada em Ciências Biológicas pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), atua como redatora e divulgadora científica.
Load more