Início Porto de Itaguaí e Porto do Rio de Janeiro estão no ranking dos maiores em movimentação de carga

Porto de Itaguaí e Porto do Rio de Janeiro estão no ranking dos maiores em movimentação de carga

fevereiro 20, 2022 às 6:37 pm
Compartilhe
Siga-nos no Google News
O Porto de Itaguaí e o Porto do Rio de Janeiro estão agora entre os 10 maiores portos em movimentação de carga no país, com grandes operações de exportação e importação, segundo a Antaq
O Porto de Itaguaí e o Porto do Rio de Janeiro estão agora entre os 10 maiores portos em movimentação de carga no país, com grandes operações de exportação e importação, segundo a Antaq. Fonte: Divulgação

O Porto de Itaguaí e o Porto do Rio de Janeiro estão agora entre os 10 maiores portos em movimentação de carga no país, com grandes operações de exportação e importação, segundo a Antaq

O Estatístico Aquaviário da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), divulgado nesta última quarta-feira, (16/02), apontou que o Porto de Itaguaí e o Porto do Rio de Janeiro se encontram na 2ª e na 9ª posição, respectivamente, entre os 10 maiores portos brasileiros em relação à movimentação de carga, levando em consideração tanto a exportação quanto a importação.

Não deixe de conferir essas notícias:

Antaq divulga dados do ranking dos portos brasileiros em relação à movimentação de carga e Porto do Rio de Janeiro e Porto de Itaguaí se destacam na lista

Trazendo novas informações importantes sobre o setor portuário brasileiro, o Estatístico Aquaviário da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) foi divulgado nesta semana e trouxe a lista com os 10 maiores portos do país na movimentação de carga. Assim, o estado do Rio de Janeiro se destacou bastante no ranking, uma vez que o Porto de Itaguaí ficou na segunda posição e o Porto do Rio de Janeiro está na nona colocação na circulação de carga em 2021.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais e tenha acesso a conteúdos exclusivos. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
Google News Google News

Assim, a Companhia Docas do Rio de Janeiro (CDRJ), que também é a administradora dos Portos de Niterói e Angra dos Reis, consegue ter sob sua supervisão o segundo maior complexo portuário público do país em movimentação de carga. Enquanto o Porto de Itaguaí conseguiu 51,7 milhões de toneladas movimentadas, um aumento de 11,9% em comparação com 2020, o Porto do Rio de Janeiro apresentou uma expansão de 27,53% nas suas operações de exportação e importação, em relação ao ano de 2020.

O diretor-presidente da Docas/Rio, Francisco Antonio de Magalhães Laranjeira, destacou que o grande desempenho do Porto de Itaguaí e do Porto do Rio de Janeiro mostram os esforços da Companhia Docas do Rio de Janeiro em relação ao crescimento desses complexos. O executivo afirmou: “O resultado positivo é reflexo do trabalho sério desenvolvido pela companhia e pelos parceiros da cadeia logística de comércio exterior, que vêm atuando no objetivo comum de melhorar a infraestrutura portuária e incrementar a movimentação de cargas, e a tendência é de que o ritmo de crescimento se mantenha este ano”.

Relevância do estado do Rio de Janeiro no setor portuário brasileiro cresce com os bons resultados na movimentação de carga em 2021

Os dados do Estatístico Aquaviário da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) mostraram também que o estado do Rio de Janeiro vem avançando cada vez mais para se tornar um grande competidor no cenário nacional de exportação e importação. O Porto de Itaguaí agora é o segundo maior na movimentação de carga no Brasil, garantindo uma grande presença no segmento nacional e internacional.

Além disso, o Porto do Rio de Janeiro vem expandindo cada vez mais suas operações e empreendimentos e a Companhia Docas do Rio de Janeiro espera que ele consiga resultados ainda melhores em 2022.  Entre o total de carga movimentada pelo Porto de Itaguaí, que representa 51,7 milhões de toneladas, 44,8 milhões foram de minério de ferro, o que corresponde a 87% do total e a um aumento de 11,7% em relação ao total de minério movimentado em 2020.

Já o Porto do Rio de Janeiro contou com uma expansão de 44% na movimentação de carga conteinerizada e na importação de trigo, que registrou um incremento de 38%.Todos os dados liberados pelo Estatístico Aquaviário da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) estão disponíveis nesse SITE AQUI e você pode acessá-lo a qualquer momento para saber mais sobre os números dentro do setor portuário no país.

Relacionados
Mais recentes