MENU
Portos e estaleiros
Menu
Início Porto de São Francisco do Sul irá investir na abertura de novos gates de entrada e saída para facilitar a movimentação de cargas

Porto de São Francisco do Sul irá investir na abertura de novos gates de entrada e saída para facilitar a movimentação de cargas

janeiro 31, 2022 às 10:52 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
Visando um maior crescimento no setor portuário, o Porto de São Francisco do Sul irá investir em infraestrutura e abrirá três gates de entrada e saída, facilitando a movimentação de carga
Visando um maior crescimento no setor portuário, o Porto de São Francisco do Sul irá investir em infraestrutura e abrirá três gates de entrada e saída, facilitando a movimentação de carga. Fonte: Divulgação

Visando um maior crescimento no setor portuário, o Porto de São Francisco do Sul irá investir em infraestrutura e abrirá três gates de entrada e saída, facilitando a movimentação de carga

Durante esta última sexta-feira, (28/01), o presidente do Porto de São Francisco do Sul comentou sobre os novos investimentos voltados para a infraestrutura que o local irá realizar. Entre eles, está a abertura de três novos gates de entrada e saída que visam uma melhoria nas operações e na movimentação de carga dentro do setor portuário. 

Notícias que talvez possam lhe interessar:

Crescimento nas operações do Porto de São Francisco do Sul é destaque e o complexo segue com projeções otimistas

O Porto de São Francisco do Sul vem crescendo cada vez mais nos últimos anos no setor portuário brasileiro e se consagrando como um grande destaque em diversas operações como as exportações de produtos. Assim, a quantidade de produtos transportados em 2021 no Porto de São Francisco do Sul chegou a 13,6 milhões de toneladas, um aumento de 14% em relação ao ano anterior, o que comprova a grande capacidade de movimentação de carga que o complexo possui atualmente. 

Além disso, esses números consolidam o complexo portuário como sétimo maior em movimentação de carga entre os 34 portos públicos do Brasil e o primeiro de Santa Catarina. Entre os produtos movimentados, a exportação de milho e soja é um dos grandes destaques no local, além da importação de produtos como os fertilizantes e outras operações entre os próprios portos brasileiros, o que é popularmente conhecido como a cabotagem. 

Assim, a relevância foi reconhecida pelo governo nacional, que, na última semana, incluiu o Porto de São Francisco do Sul no programa de parcerias de investimentos. Tal qualificação autoriza a administração a iniciar os estudos para o arrendamento à iniciativa privada do terminal Graneleiro, que fica nas dependências do complexo portuário e o valor aplicado pelo futuro arrendatário deve chegar a R$ 60 milhões, voltado para melhorias na infraestrutura e na logística do porto. 

Obras de infraestrutura e abertura de três novos gates visam melhorias na movimentação de carga do Porto de São Francisco do Sul 

Com todo o crescimento expressivo do Porto de São Francisco do Sul e a sua relevância no setor portuário brasileiro, a administração do local está com um projeto voltado para melhorias na infraestrutura do porto. Com isso, serão abertos mais três gates de entrada e saída no complexo, com investimento total estimado em torno de R$ 4 milhões, visando garantir melhores condições para as operações de movimentação de carga no local e uma expansão ainda maior durante o ano de 2022. 

A notícia foi dada pelo próprio presidente do Porto de São Francisco do Sul, Cleverson Vieira, que também ressaltou que “neste momento, para este investimento, temos recursos públicos. Em todo caso temos investimentos estruturantes que estão sendo planejados também para o ano de 2022, esses sim com recursos da iniciativa privada” e acrescentou: “Apenas de 2021 em relação a 2020, crescemos 12% na movimentação de navios. De 34 para 38 navios na média mensal. O que demonstra a importância da necessidade de termos mais um berço de atracação para diminuir o tempo de espera”.

O executivo ainda afirmou que investimento será feito diretamente pelo porto, com recursos da receita portuária arrecadada dos operadores. Com esse novo projeto voltado para a infraestrutura do local, o Porto de São Francisco do Sul passará a ter uma nova dinâmica na movimentação de carga e poderá expandir ainda mais os negócios tanto no mercado nacional quanto no internacional.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes