Início O estaleiro Indústria Naval Catarinense (INC), braço de construção naval da holding Internacional Marítima, realizou em setembro o batismo e lançamento do pontão Guará II

O estaleiro Indústria Naval Catarinense (INC), braço de construção naval da holding Internacional Marítima, realizou em setembro o batismo e lançamento do pontão Guará II

outubro 17, 2022 às 3:29 pm
Compartilhe
Siga-nos no Google News
estaleiro Indústria Naval Catarinense
Estaleiro Indústria Naval Catarinense (Foto/divulgação)

Este é o segundo ponto construído pela empresa em menos de 60 dias e será utilizado para apoio de veículos na travessia entre as cidades de Guaratuba e Caioba (PR). O governo do Paraná encomendou um pacote de obras ao Internacional Marítima com investimento de 38 milhões de reais.

A construção do pontão está incluída na reforma de dois berços, e outras duas pontes serão instaladas em Guaratuba.

O INC começou a operar o serviço após o governo rescindir seu contrato com a operadora anterior, a BR Travessias, devido a problemas recorrentes em suas operações. A realidade obrigou a DER a entrar no mercado naval para encontrar uma alternativa mais eficiente.

Artigos recomendados

Cada embarcação entregue tem 40 metros de comprimento, 9 metros de largura e 1,8 metros de profundidade. Eles são feitos de aço naval e pesam cerca de 110 toneladas. A construção de cada unidade levou cerca de dois meses e absorveu a mão de obra direta de 60 trabalhadores.

Os nomes Guará II e Guará III remontam à ave de mesmo nome típica da costa atlântica da América do Sul, e leva o nome da cidade de Guaratuba, por ser uma espécie com alta incidência na região onde a balsa opera.

Após o batismo e lançamento de cada bóia no Rio Itajaí-Açu, elas eram rebocadas até Guaratuba e utilizadas como berços flutuantes na fronteira Guaratuba-Caiobá. Eles aportam em rampas na ponte (funcionando como uma ponte de acesso estendida) e são usados ​​para descarregar carros da balsa no porto.

Os trabalhos de reparo em duas das balsas devem ser concluídos em novembro de 2022. O trabalho de reparo inclui docagem, medição e avaliação da espessura do casco, revisão e reparo de caldeiras, revisão de máquinas, motores e sistemas elétricos e hidráulicos e pintura final.

Polo da construção naval

O estaleiro INC, juntamente com outras empresas do setor, tornou o estuário de Itajaí-Açu um importante polo de construção naval do Brasil. A empresa tem capacidade para processar 100 toneladas de aço por mês e gera cerca de 300 empregos diretos e mais de 1.500 indiretos. Até o final do ano, esse número tende a crescer.

A INC é referência na construção e manutenção de embarcações de serviço (workboats), embarcações de passageiros, rebocadores portuários, embarcações de apoio a plataformas petrolíferas, embarcações de pesca e balsas. A empresa ainda possui grandes fornecedores na região, trabalha com empresas terceirizadas e é uma das melhores empresas especializadas do país.

Leia mais: Empresa marítima lança projeto do primeiro navio de cruzeiro com zero emissão de carbono

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes