Início Obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre são finalizadas e porto passa a ser regulamentado pela Antaq para as operações

Obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre são finalizadas e porto passa a ser regulamentado pela Antaq para as operações

março 12, 2022 às 4:06 am
Compartilhe
Siga-nos no Google News
O Governo do Pará entregou as obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre nesta semana e o porto agora é administrado sob as determinações da Antaq para as operações de embarque e desembarque
O Governo do Pará entregou as obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre nesta semana e o porto agora é administrado sob as determinações da Antaq para as operações de embarque e desembarque, Fonte: Foto: Pedro Guerreiro / Ag. Pará

O Governo do Pará entregou as obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre nesta semana e o porto agora é administrado sob as determinações da Antaq para as operações de embarque e desembarque

Durante esta última quarta-feira, (09/03), as obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre foram finalizadas e a inauguração do local foi realizada na região, por parte do Governo do Pará. A administração do estado também ficará a cargo do porto, que agora fará as suas operações de embarque e desembarque seguindo todas as recomendações da Agência Nacional de Transportes Aquaviários, a Antaq.

Veja também:

Terminal Hidroviário de Monte Alegre passa pelas obras de reconstrução e moradores da região já poderão ser beneficiados com as operações de embarque e desembarque

O Terminal Hidroviário de Monte Alegre é um porto que serve como meio de transporte para grande parte da população do Baixo Amazonas, uma vez que permite as operações de embarque e desembarque de passageiros diariamente, sendo essencial para a região. Assim, o Governo do Pará entregou as obras de reconstrução do porto durante esta semana, com novas regulamentações da Antaq sendo seguidas para que a qualidade dos serviços seja a melhor possível. 

Dessa forma, o governador Helder Barbalho comentou, durante o evento de entrega das obras, que “Esta é uma região em que, tradicionalmente, os rios são as nossas ruas, então esse terminal hidroviário vem para trazer conforto, segurança e desenvolvimento da região. Aqui entregamos o oitavo terminal da região, e futuramente, vamos entregar o de Alenquer e o terminal hidroviário internacional de Santarém, mas além disso, ainda temos mais 22 obras de terminais hidroviários pelo Estado. Isso é cuidar das pessoas, cuidar da população, esse é o trabalho do governo do Estado”.

Com a finalização das obras de reconstrução do Terminal Hidroviário, mais de 60 mil usuários da região serão beneficiados pelo novo porto durante os próximos meses, uma vez que o local oferece viagens diárias para municípios do Pará, Amazonas e Amapá. Assim, essa foi uma forma essencial de garantir melhores condições de transporte para os moradores do Baixo Amazonas e, além disso, propiciar melhorias na infraestrutura do terminal, além de garantir oportunidades de emprego para os moradores locais durante o período de obras. 

Obras de reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre são finalizadas sob a regulamentação da Agência Nacional de Transportes Aquaviários, a Antaq

A administração do estado do Pará investiu seus esforços na reconstrução do Terminal Hidroviário de Monte Alegre e, com a finalização das obras, o local agora  será administrado pela Prefeitura de Monte Alegre, além de ter passado pela reforma de acordo com os padrões estabelecidos pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq). Essa é uma forma de garantir que a segurança dos passageiros do porto durante o embarque e o desembarque seja garantida da melhor maneira. 

As obras de reconstrução do local incluíram uma nova sala de embarque, carrinhos para transporte de bagagens, salas para órgãos oficiais, banheiros masculino, feminino e para pessoas com deficiência, lanchonete, guarda-volumes e guichês para vendas de passagens, além de uma nova estação de tratamento de esgoto, sinalização interna e novas instalações elétricas e hidrossanitárias. Todas essas atualizações estruturais do local serviram para garantir um transporte adequado dentro do porto, uma vez que ele exerce um forte papel social para os moradores da região. 

Outro ponto importante dessas reformas de acordo com as normas da Antaq é que o porto serve como o principal caminho para o escoamento dos produtos que vêm dessa região, então as reformas serviram também para garantir melhores condições de transporte de cargas para as regiões vizinhas.

Curtiu? Apoie nosso trabalho seguindo nossas redes sociais. Não esqueça de comentar e compartilhar.
Facebook Facebook
Twitter Twitter
LinkedIn LinkedIn
Google News Google News

Relacionados
Mais recentes